Notícias

Quarto dia do FAM 2018 começa no período da tarde


 Sexta-feira (22) é quarto dia do 22º Florianópolis Audiovisual Mercosul. Em virtude do jogo do Brasil 9h na Copa do Mundo Fifa as atividades do FAM no dia 22 começam apenas depois da partida, com a continuação da Sessão Primeiro Plano pela TV UFSC às 14h na sala Goiabeira. Mas a tarde a programação é extensa e conta com Palestra, Painel, Música, Videoclipe e diferentes Mostras de Filmes gratuitos. 


 Quem comanda a palestra do dia é Vera Zaverucha que vai falar às 14h sobre FSA e ANCINE na sala Goiabeira. A atividade pretende abordar os aspectos regulatórios do setor, bem como dos mecanismos de investimento ao setor audiovisual que estão disponíveis no âmbito do governo federal, tais como leis de incentivo e FSA.


 Mais tarde, às 15h, o assunto é “Design Ficcional, a Construção de Mundos Transmídia e a estreita relação com os Games” quem vai falar no painel é João Massarolo na sala Pitangueiras. No mesmo horário terá o lançamento do e-book "Televisão e Cinema: O audiovisual contemporâneo em múltiplas vertentes", Org. João Martins Ladeira, no Hall do Centro de Eventos da UFSC.


 Os filmes começam às 16h30min com a Mostra Doc-FAM, a produção argentina Orione, de Toia Bonino abre o dia. O documentário se passa em cima do assassinato de um dos membros da família Robles e mostra diferentes visões sobre o acontecido.


 As sessões dos curtas iniciam às 19h com os filmes: Ouroboros, de Beatriz Pessoa e Guilherme Andrade; Atolina, de Miguel Agüero; Guiana Francesa, Olavo Junior, Edmilson Filho todos na Mostra Curtas Mercosul. Em seguida a Mostra Curtas Catarinense começa com as produções locais apresentando por os filmes: Domingos Bugreiro, de Sander Hahn e Flecha Dourada, de Cíntia Domit Bittar.

  Antes e depois da sessão das 19h, no Hall, vai ter música ao vivo por conta da banda Jamaica Café.


 Dois videoclipes ainda incorporam a noite Cumbia a lo Mestizo – Matungo, de Pablo Bustamante e Mar Alado, de Fabrício Koltermann. Para fechar a noite o longa colombiano La Gargento Matacho, de William González será exibido às 21h. O filme gira em torno de um assassinato de um homem em que é presenciado por a mulher.


 O 22º Florianópolis Audiovisual Mercosul tem o patrocínio do Funcultural, Fundação Catarinense de Cultura, Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esportes, Governo do Estado de Santa Catarina, do Banco Regional do Desenvolvimento do Extremo Sul - BRDE - , Fundo Setorial do Audiovisual - FSA -, Agência Nacional de Cinema - Ancine - , com apoio da Secretaria de Cultura e Arte da Universidade Federal de Santa Catarina e realização Associação Cultural Panvision, Muringa Produções Audiovisuais, Ministério da Cultura e Governo Federal.

Apoio