Notícias

Encontro no Paraguai estimula coproduções audiovisuais

Grupo de diversas instituições que participou do encontro
Grupo de diversas instituições que participou do encontro

A diretora de programação do FAM, Marilha Naccari, participou nos dias 20 e 21/05, em Assunção, no Paraguai, juntamente com uma comitiva do Instituto de Artes Audiovisuais de Missiones – IAAviM, Argentina, da segunda reunião da Rede de Cooperação Audiovisual Entre Fronteiras, para fortalecer parcerias em torno do desenvolvimento audiovisual nas regiões nordeste da Argentina, Sul do Brasil e Paraguai.

A Lei de Fomento Audiovisual do Paraguai, que irá regulamentar e financiar as produções do país, acabou de ser aprovada pelo Senado paraguaio, nesta quinta-feira. O próximo passo é sua promulgação.

O encontro teve como objetivo apoiar um acordo de coprodução entre duas produtoras de animação paraguaias e uma de Missiones para a realização de um longa-metragem, assim como fortalecer uma rede de cooperação em torno do cinema paraguaio.
Outro tema em pauta foi a realização do Mercado de Coprodução Entre Fronteras 2019, evento que será em Missiones.

O fortalecimento do audiovisual paraguaio também foi discutido no Encontro de Coprodução do Mercosul no FAM 2017. “Diversas produtoras manifestaram interesse em estreitar relações com o Paraguai no encontro no FAM”, lembrou Marilha Naccari, que participou da reunião no Paraguai.

A Rede Audiovisual Entre Fronteiras foi criada em setembro, durante o Festival de Cine al Aire Libre, em Encarnação, Paraguai. O acordo de criação foi firmado entre o IAAviM e a Rede de Realizadores de Missiones, a Associação Panvision, realizadora do FAM, a Academia de Cinema e a Organização dos Profissionais do Audiovisual Paraguaio (Oprap), a Câmara Paraguaia de Empresas Produtoras de Cinema e Televisão (Campro) e a Associação Cine Cable de Encarnação.

Também aderiram à rede instituições de várias áreas do audiovisual: a UNaM Transmedia, de Misiones, a Escola Nacional de Experimentação Cinematográfica da Argentina e o curso da Cinema da Unisul (Santa Catarina); os festivais de Santa Maria (Rio Grande do Sul), 3 Margens, de Foz do Iguaçu (Paraná), Guácaras, de Corrientes e Oberá en Cortos, de Missiones; a Mesa Multisetorial do Audiovisual do Paraguai, o Instituto Estadual de Cinema (Rio Grande do Sul), o Sindicato da Indústria Audiovisual de Sanfta Catarina (Santacine), a Cooperativa de Realizadores Audiovisuais de Formosa, a Rede Argentina de Documentaristas e a Federação Audiovisual Argentina (Fava).

O 22º Florianópolis Audiovisual Mercosul tem o patrocínio do Funcultural, Fundação Catarinense de Cultura, Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esportes, Governo do Estado de Santa Catarina, do Banco Regional do Desenvolvimento do Extremo Sul - BRDE - , Fundo Setorial do Audiovisual - FSA -, Agência Nacional de Cinema - Ancine - , com apoio da Secretaria de Cultura e Arte da Universidade Federal de Santa Catarina e realização Associação Cultural Panvision, Muringa Produções Audiovisuais, Ministério da Cultura e Governo Federal.

Apoio